Advertisement

7 de janeiro de 2015

Homenagens e Muita Comoção no Adeus a Irmã Bena

Os mais profundos sentimentos de pesar, acompanhado de muitas homenagens, boas histórias, além do sentimento de perda, esses foram os principais pontos e momentos marcantes ao adeus a "Irmã Bena".Desde a chegada do seu corpo que já se foi chegando gente, entre familiares, parentes, amigos, irmãos em Cristo, além de admiradores. Pois desde que se entende de gente como se diz no adágio popular que a "Casa de Enéas Crente e Bena", é bem visitada, mas desta feita era uma visita especial e marcante, além de triste, pois era a ultima vez que viríamos a nossa Mãe, Amiga, Companheira e Guerreira "Bená", durante toda a tarde e noite várias pessoas se revesaram para darem o seu ultimo adeus.Na manhã do dia seguinte (desta terça - feira, 06), continuava as visitações ao funeral da nossa Irmã Bena em sua casa, até que por volta das 08 horas da manhã o corpo foi transferido de sua residência para o templo da igreja Assembleia de Deus, onde a mesma continuou sendo velada e ao mesmo tempo foi realizada uma cerimônia, onde contou com a presença do Pastor local e demais representantes da mesma, entre eles Presbíteros, Diáconos, Obreiros, Auxiliares, Membros, Fieis, Familiares, Amigos, dentre outros. Muitas foram as homenagens, palavras que tentavam traduzir em fala, cânticos, pregações e etc. Tudo muito belo e digno, porém as horas iam se passando e se aproximando da despedida maior e foi neste instante que ficou nítida e explicita as emoções. Daí então as falas e homenagens deram lugar a comoção. O cortejo seguiu para o cemitério, e numa triste procissão seguiu - se, até que ao chegar no campo santo, familiares e amigos mais uma vez e pela ultima vez, viram, tocaram, expressaram os sentimentos e entre familiares,irmãos na Fé e os verdadeiros amigos sepultaram a nossa eterna Bená e ao som de aplausos sepultaram a nossa Nirlene Dulce Tavares, ou simplesmente Irmã Bena.
E diante de tantas homenagens, marcadas pela comoção, marcou de forma inesquecível o adeus a nossa querida Irmã Bena. E os aplausos no final só coroaram a rica história de quem tanto amou os seus e o seu próximo, a história de quem tanto nos ensinou, com o seu jeito de ser. Com o passar dos tempos Bena se tornou não só a Mãe dos filhos concebidos do seu ventre, mas tornou - se á Mãe de muitos. Bena também se tornou um exemplo a ser seguido, como mulher, como família e como cristã, diga - se de passagem uma grande mulher evangélica, como dizemos uma crente verdadeira, daquelas com ligação direta com os céus.
Descanse em paz guerreira e até um dia.
ETERNAS SAUDADES DE NOSSA QUERIDA E INESQUECÍVEL IRMÃ BENA

Wendell Galdino 
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário