Advertisement

12 de março de 2015

Delegado Luiz Bernado Faz Balanço de Suas Ações á FRENTE DA DELEGACIA DE TORITAMA

Delegado faz a cidade de Toritama para para ouvi - lo, e saber quais ações e serviços tem sido prestado á população. Ele lembrou que não faz mais do que as suas obrigações como servidor publico.Na manhã da ultima terça - feira (10), o Delegado de Polícia Civil Dr. Luiz Bernado titular da delegacia de Toritama, concedeu uma entrevista aos comunicadores Marcos Araújo e Wendell Galdino, ancoras do Programa Tribuna do Povo, pela Rádio Comunitária Líder de Toritama. Na ocasião o Delegado fez um balanço de suas ações, como também falou do desenrolar das investigações realizadas nesta sua segunda passagem pela "Capital do Jeans". E destacou sete buscas e apreensões só nessa sua volta, como também a apreensão de um foragido. Durante sua entrevista Dr. Luiz Bernado falou de como aconteceu a prisão do Luciclaudio Santino da Silva, vulgo "Geana". O Geana é apontado pelo delegado como um dos chefes de uma das facções criminosas que disputam o poder do tráfico na em Toritama. E que contra ele atribui - se pelo menos sete homicídios na Capital do Jeans. A prisão do acusado se deu no ultimo final de semana, mais precisamente, no ultimo sábado, quando o mesmo deu entrada no Hospital Regional do Agreste com ferimentos oriundos de arma de fogo, e assim que o delegado viu as fotos do mesmo nas redes sociais , logo o identificou e solicitou que a sua equipe fosse até o local e realizasse a prisão do mesmo.

Segundo o Delegado Dr. Luiz Bernado, o "Geana", estava residindo em Caruaru, com identidade falsa, estava se passando por Paulo Santino da Silva, ou seja o mesmo fazia se passar pelo irmão dele, já falecido. O delegado falou que o acusado pegou a certidão de nascimento do irmão dele (já falecido) e no estado das Alagoas tirou uma identidade com foto e digitais dele, mas com os dados e o nome de seu irmão falecido. O delegado disse que mesmo não estando aqui em Toritama, o Luciclaudio "Geana" comandava o tráfico da "Capital do Jeans".

O Dr. Luiz Bernado atribui a maioria dos homicídios de Toritama á uma disputa entre as duas principais facções criminosas, que segundo ele estão inseridas entre os bairros da COHAB e Independente e ainda citou quem são os líderes das mesmas e que alguns deles já estavam presos, e citou por exemplo o "Fabinho", que já está em poder da justiça á alguns dias, mas que mesmo estando preso, o "Fabinho" continua comandando o seu grupo. "O tráfico aqui em Toritama, ele se resume á duas facções criminosas, existem outros criminosos, outras bocas de fumo, outras pessoas envolvidas na criminalidade, existem! Mas basicamente e de maneira geral, em Toritama, ele (o tráfico) se resume á duas facções: a de Geana no Independente e a de Fabinho na Cohab" falou o Delegado. E de disse mias: "E que basicamente essas duas facções dominam o tráfico na cidade, e que entre elas há uma rixa entre elas que fazem com que, eles se matem e matem os usuários de drogas, os chamados "noiados" e até cidadãos"; falou Luiz Bernado.

Ainda segundo o Delegado, o "Geana" é o principal responsável pela morte de "Amiguinho", crime este que teria provocada uma onda de mortes entre as duas famílias. E segundo Dr. Luiz Bernado, essas mortes e agora a prisão do "Geana" tem enfraquecido parte dessas quadrilhas. E que a polícia está no encalço dos envolvidos com o tráfico e que não só as duas principais facções serão alvos de ações e investigações, mas todo aqueles que estiverem envolvidos com o tráfico e o crime em geral.

Essa é a segunda passagem do Delegado o Dr. Luiz Bernado pela delegacia de Toritama, na sua primeira passagem ele ficou conhecido pela liderança a frente da "Ação Alfaiate 2" e pôr fim e desvendar uma série de homicídios, latrocínios e tráfico de drogas que aterrorizavam a população de Toritama.

Da Redação da Rádio Líder de Toritama.
www.radiocomlider.com.br
Face: Rádio Líder de Toritama.

Por Wendell Galdino.
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário