Advertisement

27 de abril de 2015

Raid® lança prevenção rosa contra a Dengue

Prevenção é a palavra-chave no combate à doença que preocupa o Brasil nesta época do ano: a Dengue. Segundo os últimos dados do Ministério da Saúde, até 28 de março deste ano foram registrados 460,5 mil casos da doença no país – 240,1% de aumento em relação ao mesmo período do ano passado. Só em Pernambuco, o aumento de casos registrados no primeiro trimestre de 2015 já passa dos 400%¹. Medidas simples auxiliam na proteção contra a doença, transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti. Dentro deste conceito, Raid® lança no mercado uma inovação em repelentes: o Raid® Papel Repelente, o primeiro produto da categoria em formato de papel. De baixo custo, o produto está disponível em todas as regiões do Brasil. Original da Inglaterra, Raid® Papel Repelente cabe na palma da mão – tem 8 cm x 6 cm. Depois de aceso em ambientes internos, o Papel Repelente libera no ar a substância apropriada para repelir mosquitos, inclusive o Aedes Aegypti e também o da Malária. O formato inovador do produto facilita a armazenagem e reduz a quantidade de lixo, uma vez que os únicos materiais descartados após a utilização são o rótulo e a embalagem – um pequeno saquinho de plástico fino e transparente que envolve o bloco de 12 folhas. 
Este formato do Raid® Papel Repelente também influencia no preço do produto, que custa menos do que os repelentes tradicionais: o valor sugerido da embalagem com 12 folhas é de R$2,50. O produto está disponível para compra nas maiores redes de varejo da cidade. Além de ser acessível, o Papel Repelente oferece rápida proteção aos ambientes, já que, assim que é acesa, cada folha começa a agir em segundos.
É durante o período de temperaturas mais elevadas, também marcadas por chuvas, que o Aedes Aegypti encontra no Brasil condições favoráveis para sua proliferação, confirmando que a doença precisa ser prevenida constantemente. De janeiro a março deste ano, foram registrados 18.431  casos de Dengue em Pernambuco e o estado tem 83 municípios que podem enfrentar um surto da doença .
O mosquito Aedes Aegypti, além de transmitir a Dengue, é o vetor de um vírus similar, mas muito mais perigoso: a Febre Chikungunya. Essa doença teve origem na África e, em 2015, já foram confirmados no Brasil mais de mil casos . Ainda segundo o Ministério da Saúde, Pernambuco é um dos estados do país que já registrou casos da doença . Os sintomas são similares aos da Dengue, porém mais intensos. Mais uma importante preocupação no combate ao Aedes, que se reproduz em água parada e limpa, longe do sol, ou seja, em ambiente parecido com o interior dos domicílios.
Para o lançamento do Papel Repelente, Raid® está promovendo a campanha “Use o Rosa Contra o Aedes” na cidade. Entre as ações que fazem parte dessa campanha, está a distribuição de amostras grátis do produto em locais de grande concentração de público em Recife e um filme sobre o produto, exibido nos canais de TV aberta. O visual da campanha também está sendo comunicado nos principais pontos de venda e em mídia exterior, como busdoors e outdoors em grandes vias de circulação.

Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário