9 de julho de 2015

postheadericon Dr. Fábio Florentino quebra o silêncio e fala da sua decisão.

O Vereador disse está tranqüilo quanto a sua decisão na sessão que tinha como pauta a cassação do prefeito Odon.Em sua entrevista concedida nesta quarta - feira (08), à Rádio Líder de Toritama, o Vereador Dr. Fábio Florentino falou de tudo o que aconteceu tanto nos dias que antecederam, como no dia da votação. Ele lembrou de algumas ações suas como parlamentar e que também fez cobranças à Casa Legislativa, quanto há algumas irregularidades na gestão passada e que nunca foi atendido pelos demais companheiros e muitas cobranças bem mais delicadas e mais complicadas, mas mesmo assim nunca foi levado à sério.
Mas em pelo menos eu tentei, depois o próprio Tribunal de Contas, depois enviou pra casa o pedido de análise e apurassem algumas irregularidades nas contas públicas por parte do Executivo, mas mesmo assim não passou e nunca se teve uma investigação mais branda.
Agora a Casa, vive um novo momento,  mais democrático e de independência, mas mesmo assim, após a abertura dessa comissão de investigação, por parte dos parlamentares. Ele reconheceu que houve erros, mas que a cassação do chefe do Executivo, naquele momento não era a pena ideal. 
"Eu como fiscalizador e em se comparando com tudo aquilo que eu fiz e preguei da gestão anterior, votar contra a abertura dessa comissão de investigação, seria votar contra os meus conceitos. Por isso votei a favor da abertura da investigação, mas nunca concordei que a punição certa para esse erro, seria uma pena muito branda", disse Fábio Florentino.
O parlamentar também disse que, à todo instante ele lembrava de que era nítida a falha, mas que a cassação naquele momento não seria a melhor saída.
Fábio Florentino disse que esse caso ficou tão contundente, que o resultado dessa ação ficou nitidamente claro que havia mais uma disputa política partidária e não mais uma ação em conformidade com o que rege as leis.
A minha postura e a minha decisão, não foi surpresa pra ninguém, pois desde que foi anunciado o pedido de cassação, ele sempre sempre alertou de que não era justo cassar o chefe do Executivo sem uma acusação contundente.
"Sempre me opus a votar pela cassação, todos sabiam disso. Todos sabem que eu era contrário a cassação e que o meu voto seria pela abstenção", falou Fábio Florentino.
Pois houve uma ação impensada e num momento de início de governo, e com ela a inexperiência.
Durante toda a sua fala o nobre edil, negou que ele teria sido o precursor tanto da abertura do processo de investigação, como também teria sido ele elemento fundamental para que o resultado fosse a favor da cassação.
Ele também negou que tenha recebido alguma vantagem tanto financeira, como política. Ele também disse que não aceita que nenhum outro edil, queira se sair bem de qualquer situação, dizendo que ele tenha incentivado eles a fazerem algo ou tomar qualquer decisão. "Eu não induzi ninguém a nada. Até porquê eles não são crianças e nem inexperientes para se deixarem levar pelas opiniões dos outros. Eu não induzi ninguém a nada. Cada um falou por si só," disse Fábio Florentino.
Quando indagado sobre uma possível troca de favores, por conta do seu voto, o prefeito tenha lhe dado cargos? Fábio respondeu que não houve nenhum acordo com o prefeito e nem ninguém ligado a ele. E deixou claro que não foi pedir nenhum cargo público, ao prefeito. E sim a sua volta ao grupo de sustentação ao governo Odon, não foi pela sua posição na votação, mas coincidiu com o momento de reformulação e renovação em que passa a atual gestão.
E essa sua participação, no governo municipal, foi simplesmente o cumprimento de uma promessa feita a ele ainda durante a campanha eleitoral e que só agora o prefeito cumpriu.
E deixou claro de que só fica no governo se tiver autonomia para fazer as coisas, caso contrário, ele deixará o governo.
Também revelou de que mesmo estando de volta a base governista, ele continuará com a sua postura firme na Câmara e que se por acaso vier alguma pauta que realmente comprove irregularidades, na gestão, e que essas falhas venham ferir as leis e que a saída seja uma cassação, vendo ele (o vereador), que não há uma briga política, ele votará sem sombra de dúvidas.
Disse que tais acontecimentos em nada muda a sua visão e sua postura política.
Agradeceu a sua família, aos amigos e correligionários, pelo apoio em todas as horas. Como também disse entender as opiniões contrárias a sua decisão e que respeita à todos e a todas as pessoas e suas manifestações, porém pediu ética, coerência e respeito por parte de todos.


Do Wendell Galdino

0 comentários:

VER MAVA

VER MAVA

Berg Etiquetas

Berg Etiquetas

NG Tecidos

NG Tecidos

GPS - Administradora

GPS - Administradora

Cheiro e Chame Acessórios

Cheiro e Chame Acessórios

Ricardo

Ricardo


DISQUE 3719 4545

DISQUE 3719 4545
Para qualquer Informação

C & E F: 9319 6440

C & E F: 9319 6440
Fone 9716:8881

Arquivo do blog

Pesquisar este blog

Promoção Grátis

Insira seu Email Gratuitamente

Receba Nossas Novidades Via Email

Colaborador

Colaborador

Romero Leal

Romero Leal

Ligue 3741 1602

Ligue 3741 1602

Vereadora Rossana

Vereadora Rossana

Radio Toritama FM 104.9

Colaborador

Colaborador

Postagens populares

Seguidores

Atualizados