9 de julho de 2015

postheadericon Estado vai ganhar novo centro de convenções

Pernambuco deve ganhar, em breve, um novo centro de convenções. O empreendimento, cujas obras estão previstas para serem iniciadas no ano que vem, será fruto de uma Parceria Público-Privada (PPP). Embora ainda não haja um local definido e nem previsão de quando será lançado o edital de licitação para a escolha da empresa responsável pela construção, o secretário estadual da pasta de Turismo, Esporte e Lazer, Felipe Carreras, afirmou que já existem empresas interessadas em investir no empreendimento.Previsto para ter o mesmo porte do atual Centro de Convenções (Cecon-PE), localizado em Olinda, com proporções similares em termos de espaço, o novo centro de convenções irá, na visão de Carreras, potencializar a ocupação hoteleira do Estado e descentralizar os eventos, melhorando a mobilidade. “É inviável que duas feiras da dimensão da Fenearte, por exemplo, aconteçam em paralelo no espaço que temos atualmente”, disse, acrescentando que a ausência de outra área voltada para negócios já era um pleito antigo de representantes do trade turístico. A chegada de um novo centro, para o presidente do Recife Convention & Visitors Bureau (RCVB), Bruno Herbert, seria muito bem vinda, aumentando a competitividade de Pernambuco. “A capacidade de atração de eventos de negócio duplicaria ou aumentaria significativamente, uma vez que a falta de agenda no Centro de Convenções de Olinda vinha prejudicando a captação de eventos”, afirmou.

Além do novo empreendimento, Carreras anunciou que o Cecon-PE será modernizado, descartando a ideia original, que era de utilizar a área onde funciona, atualmente, o parque de diversões Mirabilândia, situado ao lado do Cecon, para expansão do espaço de eventos. Na época, há cerca de três anos, o projeto chegou a ser orçado em R$ 900 milhões. “Esse valor está fora da realidade no momento atual”, disparou. Assim como o novo centro de convenções, a requalificação do atual parque de eventos também será resultado de uma PPP. “O plano é que, tanto a modernização quanto o novo empreendimento tenham uma gestão conjunta”, disse Carreras.

Com a saída do Mirabilândia do espaço no começo de 2016, devido a uma decisão judicial, a ideia, ainda segundo Carreras, é que o terreno do parque de diversões amplie a capacidade do estacionamento. Atualmente, a área comporta 1,3 mil carros. No local, também será implantado outro empreendimento. “O Governo do Estado ainda está estudando quais investimentos serão feitos no terreno”, afirmou, emendando que o projeto deve ter o mesmo porte do Centro de Engenharia Automotiva que a Fiat Chrysler Automobiles (FCA) pretende instalar na antiga Fábrica Tacaruna.

Eventos
De acordo com dados da ABIH-PE, o turismo de negócios no Recife corresponde a 70%. Em Gravatá e em Porto de Galinhas, o percentual fica entre 20% a 30%.

As informações são da Folha de Pernambuco.

0 comentários:

VER MAVA

VER MAVA

Berg Etiquetas

Berg Etiquetas

NG Tecidos

NG Tecidos

GPS - Administradora

GPS - Administradora

Cheiro e Chame Acessórios

Cheiro e Chame Acessórios

Ricardo

Ricardo


DISQUE 3719 4545

DISQUE 3719 4545
Para qualquer Informação

C & E F: 9319 6440

C & E F: 9319 6440
Fone 9716:8881

Arquivo do blog

Pesquisar este blog

Promoção Grátis

Insira seu Email Gratuitamente

Receba Nossas Novidades Via Email

Colaborador

Colaborador

Romero Leal

Romero Leal

Ligue 3741 1602

Ligue 3741 1602

Vereadora Rossana

Vereadora Rossana

Radio Toritama FM 104.9

Colaborador

Colaborador

Postagens populares

Seguidores

Atualizados