Advertisement

1 de agosto de 2015

Caruaru-PE: Irmã de vereador é presa acusada de matar o esposo com um tiro no ouvido há 14 anos

O Cabo Erivaldo, Cabo Jair e a soldado Manuela Santo da equipe Malhas da Lei, prenderam na Rua do Convento, no bairro Divinópolis em Caruaru, Josefa do Carmo Vasconcelos, conhecida por “Carminha” de 59 anos, que mora na rua Saldanha Marinho, no Maurício de Nassau. Ela é acusada de matar o esposo, o fazendeiro José Mozanael de Vasconcelos, que era conhecido por“Zana”, 46 anos e foi morto com um tiro no ouvido enquanto dormia, fato ocorrido na madrugada do dia 17 de agosto de 2001, há 14 anos, no atual endereço da “Zefinha” que durante todo esse tempo alega que o falecido se matou atirando no ouvido. Ela foi julgada da Vara do Júri de Caruaru em 2012, julgamento no qual foi condenada a 9 anos de prisão no regime fechado, por isso a justiça expediu o seu Mandado de Prisão Preventiva, cumprido na tarde de ontem.O Cabo Erivaldo, que comandou a prisão, informou que a criminosa estava escondida na casa do seu irmão, o ex-vereador Louro do Juá, que ao ser questionado afirmou para os policiais que a irmã teria ido ao Recife para fazer uma cirurgia, os policiais pediram para fazer uma busca no interior do imóvel, foram autorizados e localizaram a mulher que já foi submetida ao exame de corpo delito no IML local e será encaminhada á Colônia Penal Feminina na cidade de Buíque.


DO Adielson
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário