Advertisement

9 de agosto de 2015

Gestores de cidades do Semiárido estarão no G20 em Petrolina, PE Uma reunião prévia com secretários será realizada no dia 14 de agosto.


Para discutir as cadeias produtivas, municípios do Semiárido nordestino estarão reunidos nos dias 22 e 23 de outubro no G20 em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. A ideia é que  secretários de planejamento, gestores e representantes de centros de pesquisa, universidades e órgãos e atores sociais do país definam políticas públicas para implementar instrumentos para potencializar as riquezas e atrativos de cada cidade.
Além da anfitriã que é Petrolina, foram convocados os municípios pernambucanos: Caruaru, Garanhuns e Santa Cruz do Capibaribe; Da Bahia: Feira de Santana, Jequié, Juazeiro, Paulo Afonso e Vitória da Conquista. Do estado do Ceará: Caucaia, Crato, Iguatu, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Maranguape e Sobral; Da Paraíba: Patos e Campina Grande; Do Rio Grande do Norte: Mossoró e de Alagoas, a cidade de Arapiraca.
De acordo com o coordenador técnico do G20 e secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão de Petrolina, Geraldo Júnior, as cidades participantes são as vinte mais fortes do Semiárido. Os municípios somam um Produto Bruto Interno (PIB) de R$ 50 milhões e uma população com média de 400 mil habitantes. “Temos analisado ao longo desses 20 anos que existe uma maior concentração nos investimentos das cadeias produtivas e financiamentos federais para a faixa litorânea do Nordeste, principalmente no que se refere às grandes obras de infraestrutura. Isso tem ampliado as desigualdades entre as próprias cidades da região”, explica.
Ainda segundo Geraldo, cada cidade tem uma dinâmica forte e estas áreas precisam ser potencializadas. “Petrolina tem a fruticultura e Mossoró, o petróleo e gás. Enquanto que Juazeiro do Norte, Caruaru e Toritama são ícones no segmento de confecções. Então o G20 quer que aconteça ampliação dessas cadeias produtivas e a diminuição da desigualdade dentro do Nordeste”, argumenta.
No dia 14 de agosto será realizada uma reunião no Sest/Senat em Petrolina com os secretários de planejamento das cidades do G20. Este é um encontro preparatório, onde vão ser apresentados e definidos os objetivos e metas a curto, médio e longo prazo. Já nos dias 22 e 23 de outubro, vai acontecer o encontro do G20, no auditório do Senai. Será aberto ao público e participarão gestores, especialistas e representantes de instituições de todo o país.

G1
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário