Advertisement

15 de setembro de 2015

Quatro vans de sulanqueiros são assaltadas na BR-232

A BR-232, no Agreste de Pernambuco, voltou a ser palco de assaltos a sulanqueiros na madrugada desta segunda-feira. Por volta das 3h45, três vans que transportavam comerciantes para a Feira da Sulanca, em Caruaru, foram alvo de criminosos. A abordagem aconteceu na altura do quilômetro 133, entre Caruaru e São Caetano, nas imediações da entrada para Vila das Peladas, onde os veículos foram interceptados de uma vez por três suspeitos. Os motoristas foram forçados a dirigir até uma estrada de terra, onde as vítimas tiveram celulares, documentos e R$ 15 mil roubados.
Em menos de uma hora, por volta das 4h30, na altura do quilômetro 131, em Caruaru, uma outra van foi assaltada por dois homens que chegaram em uma motocicleta. O condutor também teve que seguir até uma estrada de terra às margens da BR-104, após o acesso à Vila do Cipó, onde os passageiros tiveram documentos e dinheiro roubados.

Os casos fora encaminhados à Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com Alexandre Leite, chefe da delegaia da PRF em Caruaru, as ações devem ter sido praticadas por grupos diferentes, uma vez que os assaltantes do primeiro caso chegaram em um veículo de passeio (provavelmente um veículo Polo) e o segundo, em uma moto. "Nossa equipe estava fazendo rondas para tentar prender os assaltantes do primeiro caso quando encontrou as vítimas do segundo assalto. Por pouco não flagraram a ação dos bandidos", disse. Até o momento ninguém foi preso.

Ainda segundo Leite, no dia de feira, a PRF reforça as rondas e triplica o efetivo. O número de policiais, no entanto, não pode ser divulgado por questão de estratégia. Ele acrescenta a importância do trabalho preventivo, lembrando uma operação recente que prendeu 19 suspeitos. "Infelizmente, a fábrica de bandidos é maior que a de policiais", lamentou. Questionado sobre o fim dos comboios, o policial disse que a falta de uma organização dos próprios sulanqueiros dificulta a realização do cortejo, uma vez que eles seguem viagem em horários diferentes para a participação em três feiras que acontecem no mesmo dia nas cidades de Caruaru, Santa Cruz do Capibarive e Toritama.

Outros casos - Em julho deste ano, um ônibus de sulanqueiros foi abordado por assaltantes na cidade de Serra da Santa, zona rural de Petrolina, Sertão de Pernambuco. O coletivo saiu da cidade Irecê, na Bahia e seguia para Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste pernambucano. 

De acordo com o 5º Batalhão da Polícia Militar, três homens compraram as passagens e entraram no coletivo ainda na Bahia, na cidade de Senhor do Bom Fim. Nas imediações de Serra da Santa, o trio anunciou o assalto. O motorista reagiu, esfaqueando um dos suspeitos e foi morto com quatro tiros de arma de fogo no ouvido, abdômem e nas mãos.

Após o crime, os três homens fugiram mas o assaltante ferido localizado no Hospital de Lagoa Grande, Sertão do estado, e acabou sendo preso e autuado em flagrante por latrocínio, roubo seguido de morte.De acordo com a polícia, os outros dois assaltantes foram identificados e estão sendo procurados.

Em dezembro do ano passado, um homem de 61 anos morreu após uma tentativa de assalto a uma van de sulanqueiros. Na BR-104, na zona rural de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, o veículo que transportava 11 comerciantes da cidade de Princesa Isabel (PB) para a Feira da Sulanca foi abordado por suspeitos.

Os assaltantes efetuaram cerca de 15 disparos para que o motorista parasse, mas o  condutor acelerou. Além do motorista, ficaram feridos uma mulher e um homem. Apesar de baleado, o condutor conseguiu dirigir até um hospital de Toritama. O passageiro paraibano Luís Dantas Diniz não resistiu. Os demais foram socorridos e apresentam estado de saúde estável.Nenhum pertence foi levado. Ninguém foi preso

Do diário de pernambuco 
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário