Advertisement

19 de outubro de 2015

Mais um prefeito reduz o próprio salário. Dessa vez foi o de São Caetano

O Prefeito de São Caetano, Dr Neves (PTB), através de decreto tomou algumas medidas emergenciais diante da crise para evitar o corte de funcionários. Entre as medidas anunciada está a redução de 20% do salário do Vice-prefeito e do próprio prefeito. Também foram reduzidos em 10% os salários dos secretários municipais, do Procurador e Controlador Geral do município.

Ainda estão suspensas novas contratações de servidores, corte de gratificações, licenças remuneradas, férias indenizadas, horas extras, diárias e viagens. Além da redução de gastos com água, energia elétrica, material de expediente e telefone.

O município já vem enfrentando dificuldades com a insuficiência de recursos repassados pelo Governo Federal. “A dificuldade é grande, a situação não só de São Caetano, mas também de outras cidades é preocupante. Mas temos honrados com os nossos compromissos, temos nos esforçado e conseguido efetuar o pagamento da folha. Essas medidas são para evitar demissões, enquanto gestor me preocupo com o funcionário e não quero ter que demitir. Vamos evitar que chegue a esse ponto, por isso adotamos essas medidas.” Afirmou Dr. Neves.

As medidas adotadas são temporárias, porém não é possível dizer até quando devem vigorar. Tendo em vista a atual situação econômica que enfrentam os governos Federal e Estadual.

Do Mario Flavio 
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário