Advertisement

12 de maio de 2016

FILIPE LUCENA: OS EFEITOS DE UMA ESCOLHA

Na última sexta-feira (06/05) com o anúncio do pré-candidato à Vice-Prefeito Romero Leal Filho na chapa de Edilson Tavares se gerou muita conversação e turbulências por parte dos grupos adversários. Vimos “profissionais da política e da comunicação” esbravejando negativamente sobre o anúncio e a pessoa escolhida. Atacaram nos meios de comunicação, nos grupos, nas malas, nas redes sociais, dizendo que não era novidade a escolha. Tamanha euforia é o efeito de um desespero coletivo que assola as mentes dos que fazem a velha política, quando percebem que a cada passo estratégico as pessoas aplaudem e aderem ao novo modelo de se fazer política do pré-candidato Edilson Tavares, que por sinal pelo seu discurso e pelo comportamento de seu grupo vêm ditando regras na política da Capital do Jeans desse ano, vemos isso sob vários aspectos, mais isso é um assunto para outra coluna. 
Vamos analisar o porquê de o grupo da Vice-Prefeita, assim como alguns assessores do Prefeito, ficarem apreensivos com a junção de Edílson com Romero. O gestor atual está com um Vice-Investidor que não possui densidade eleitoral para alavancar a campanha (já tão desgastada) do Prefeito, inclusive sobram especulações que o mesmo estaria sem condições para enfrentar as eleições para o cargo de Vice. O grupo de Vice-Prefeita está sem uma direção certa em relação ao nome, pois até agora o único que ficou acertado foi com o ex-Prefeito Flávio Lima, que a Vice declarou numa entrevista que Flávio será seu Vice mas não terá autonomia (por que será???) e em outra entrevista quando indagado se seria realmente o Vice da chapa, Flávio desconversou e abriu outras possibilidades (por que será???).  Ora, comparando as qualificações de um Vice poderíamos facilmente entender o porquê de tanto desespero ou na verdade reconhecimento. 
Romero Leal Filho é um jovem militante, Bacharel em Direito, Oficial da Reserva do Exército Brasileiro, ex-Vice-Presidente do Detran-PE, Coordenador na Secretaria Estadual de Qualificação e Empreendedorismo, hoje exerce o cargo de Coordenador de Segurança do Porto do Recife S/A, é empresário do ramo de transportes e coordenador das Festas Tradicionais da cidade de Vertentes. Passou por cargos importantes no Governo do Estado que lhe deu o conhecimento necessário da máquina pública e tem como professor um dos melhores Prefeitos de Pernambuco, seu próprio pai Romero Leal. Não é declarado Ficha-Suja, não tem ações de Improbidade Administrativa tramitando contra ele, não tem contas rejeitadas e tem a cidade de Vertentes como uma vitrine e um modelo de gestão para Toritama. Não à toa grupo da Vice tentou captar esse apoio dos Romeros para preencher seus quadros porque os que estão à postos não possuem o respaldo do povo. Como administrar uma cidade sem uma mínima confiança do seu Vice??? Só não se dar autonomia para o Vice quando este não merece confiança, então porquê convidá-lo pra Vice??? Uma junção dessas, caso ganhem as eleições, terá condições de, unidos, trabalhar por Toritama???
Com a palavra, o eleitor...

FILIPE LUCENA
Acadêmico de Direito e Comentarista Político
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário