Advertisement

4 de maio de 2016

Pernambuco confirma aumento de mortes por chikungunya e dengue "Toritama"

Pernambuco registrou aumento significativo no número de mortes confirmadas pela febre chikungunya em relação aos números da semana passada. O número de óbitos causados pela doença, ocasionada pelo mosquito Aedes aegypti, chegou a 20 em todo o estado contra 12 do levantamento anterior, do dia 26 de abril. Desses óbitos, nove aconteceram no Recife, dois em Jaboatão dos Guararapes, dois em Timbaúba, e uma morte em cada um dos seguintes municípios: Camaragibe, Igarassu, João Alfredo, Nazaré da Mata, Paulista, Toritama e Vitória de Santo Antão.
Os dados fazem parte do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta terça-feira (3) e que se refere ao período de 3 de janeiro a 30 de abril. Em uma semana, foram oito novas confirmações de mortes ocasionadas pela febre chikungunya.
O número de mortes confirmadas por dengue também cresceu em Pernambuco, que conta cinco óbitos ocasionados por essa arbovirose, nos seguintes municípíos: Caruaru, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Timbaúba e Venturosa. No boletim anterior, constava apenas uma morte por dengue, registrada em Caruaru, no Agreste.
"Em 2015, no mesmo período, foram 25 óbitos suspeitos de dengue e 8 com resultado laboratorial positivo para dengue", informa o boletim mais recente da secretaria. O número de notificações de óbitos suspeitos pelas arboviroses em Pernambuco se mantém em 199, assim como no boletim anterior.

Do G1 PE
Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário