Advertisement

14 de junho de 2019

Governo promove ações de sensibilização contra violência à pessoa idosa

Em alusão ao Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, lembrado anualmente em 15 de junho, o Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDSCJ), Criança e Juventude, promove, na próxima segunda-feira (17), uma série de ações de sensibilização com distribuição de material informativo e orientações, serviços de saúde voltados para o público, além de uma unidade móvel da delegacia de Proteção à Pessoa Idosa para recebimento de denúncias. A iniciativa, que tem início às 7h, na Praça do Derby, será realizada em parceria com as pastas estaduais de Justiça e Direitos Humanos, Defesa Social e Saúde, com apoio do Ministério Público, Defensoria Pública, secretaria municipal de Saúde do Recife e do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa. Cada órgão vai colaborar com um serviço, sendo a SDSCJ, junto à SJDH, SES, MPPE e DPPE, responsáveis pelas orientações sobre o envelhecimento, principais formas de violência, e a rede de proteção e garantia dos direitos da pessoa idosa, além da distribuição de material informativo sobre a temática. “A ideia é criar uma consciência da existência da violência contra a pessoa idosa e disseminar a realidade de não aceitá-la, mostrando os meios para denúncias, tudo isso como forma de prevenir a violação dos direitos e qualificar o debate sobre o tema”, explicou o secretário da SDSCJ, Sileno Guedes.

A Organização Mundial de Saúde – OMS conceitua a violência contra a pessoa idosa como o ato (único ou repetido) ou omissão que lhe cause dano ou aflição e que se produz em qualquer relação na qual exista expectativa de confiança. No primeiro trimestre deste ano, o Centro Integrado de Atenção e Prevenção à Violência Contra a Pessoa Idosa (CIAPPI), ligado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, recebeu 391 denúncias. Em comparação ao mesmo período do ano passado, que foram 163 queixas, um aumento que chega a quase 140%. Negligência, violência psicológica e financeira são as principais queixas. Além do CIAPPI, a Ouvidoria Social também é um canal para recebimento de denúncias, que podem ser feitas no 0800.081.4421.

Para facilitar e incentivar as denúncias, a SDS disponibiliza Unidade Móvel da Delegacia de Proteção à Pessoa Idosa para acolhimento de denúncias. Já a Secretaria Municipal de Saúde vai oferecer serviços como aferição de pressão, glicemia e vacinação contra a gripe, além de orientar a população sobre saúde bucal. “Eventos como esses auxiliam a mantermos um diálogo contínuo, com políticas públicas para a promoção e garantia dos direitos da pessoa idosa no nosso Estado”, afirmou a secretária-executiva de Segmentos Sociais, Laura Gomes.



15 DE JUNHO

Em 2006, a Organização das Nações Unidas (ONU) e a Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa, instituíram o dia 15 de junho, dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, que tem por objetivo criar uma consciência mundial, social e política da existência da violência contra a pessoa idosa, e, simultaneamente, disseminar a ideia de não aceitá-la como normal. Na esteira deste movimento mundial o Estado de Pernambuco incentiva a apresentação da rede de proteção e enfrentamento, a qualificação do debate e o fortalecimento das mais diversas formas de prevenção à violência contra a pessoa idosa.



Serviço: Ação em alusão ao Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa

Data: 17 de junho

Hora: 7h

Local: Praça do Derby


Compartilhar: Compartilhar no WhatsApp
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário